Obra de arte para os seus pés

junho 28, 2011 às 8:00 pm | Publicado em Uncategorized | 1 Comentário
Tags: , , , , , ,

Criatividade e bagagem cultural são duas coisas essenciais no mundo da moda, aliás na vida, mas muita gente pensa que é suficiente ler revistas setorizadas, blogs de moda e sites especializados. Engana-se quem está com essa ideia, é bom abrir a mente. Cinema, teatro, filosofia, museus, artes plásticas e até tramas policiais de livros como de Agatha Christie podem lhe agregar valores e embasamento suficientes para entender as roupas e como uma peça influencia nas nossas vidas.

Exemplo de designer talentoso, não é a toa que Christian Louboutin ganhou o mundo das celebridades. Ele é admirável – tem uma entrevista com ele na Claudia do mês passado e disponível on line – e tem sede de novidade. Louboutin provou que não se fecha no mundinho fashion, no catálogo da coleção inverno 2012, ele convidou o fotógrafo Peter Lippman* e clicou as modelos reproduzindo obras clássicas de pintores como Georges de la Tour, Marie-Benoit Guilleme e Francisco De Zurbarán.

Se preparem para babar nessas fotos.

Inspirada na obra de François Clouet, Madame au Pigalilli et Catalina. Prestem atenção no tratamento de cada foto, todas com efeito de quadro mesmo.

Inspirada na obra Portrait d’une negresse, de Marie-Guilleme Benoit’s. Essa foi minha predileta.

A obra Magdalene and the Flame, de Georges de la Tour, foi a inspiração. Olha essa luz lateral, gente! Fotógrafo fantástico.

Inspirada no artista Francisco De Zurbaran.

Agora, se sir Louboutin focasse só em moda e vivesse atrás de it girls não teriamos metade dessa beleza.

*Peter Lippman é fotógrafo especialista em fotografias mortas – composição artística de diferentes objetos sobre fundos artificiais ou superfícies naturais.

Beleza para a semana toda.

😉

Gabi Albuquerque

Anúncios

Barulhinho no chão, vem um salto por aí

maio 12, 2011 às 8:08 pm | Publicado em Uncategorized | 2 Comentários
Tags: , , , , , , , , ,

Ontem, estava lendo a revista Claudia deste mês e me deparei com uma entrevista delícia com o muso dos sapatos, aqueles de salto 12cm, Cristian Loubotin. O designer é bem conhecedor da espécie feminina e me pareceu bem sincero nas palavras, me ganhou com essa, né? (Nunca calcei um sapato da sola vermelha, famosão e caríssimo, mas um dia quem sabe não provo um par desse danado.) Bom, uma das coisas mais comentadas por ele, claro, foi o salto alto, levantador de panturrilha, empinador de bumbum, doador de uma postura de poder. Quem não se inquieta com aquele barulhinho – toc, toc – do solado batendo no chão – quem vem por ai? – não tem sensibilidade.

Loubotin e seu exemplar desejado

O salto alto é mais que um maneira de ganhar centímetros, principalmente os maiores, vai além. Mexe com nossa atitude, a mulher que você vê de salto agora não é a mesma da rasteira de horas atrás. Ela fala diferente, olha diferente, ela conquista diferente, ela ri diferente. Concordam? Algumas mulheres usam salto 24h, se for na padaria ou a reunião, a balada ou a festa infantil. Ou elas têm problemas com a altura ou gostam de ser poderosas sempre. Eu, inquieta como sou, gosto de alternar, afinal ser menos audaciosa vez ou outra não faz mal a ninguém. 😉

História: Salto alto > Não se sabe quem criou o salto alto, como já falei em outros posts a história dos sapatos é cheia de pormenores e indefinições. Mas no século XVII,  a corte do rei Luis XIV usava e abusava dos sapatos de salto, além das perucas. O rei era um tanto baixinho, por isso adorava essa moda de aumentar a estatura. haha Lembrando que na época, os homens também usavam os saltinhos.  Mas, o salto ficou realmente conhecido no reinado de Luís XV que deu nome ao salto largo na ponta e na base e afinado no meio. Segundo o mestre João Braga, o salto era peça exclusiva do vestuário masculino e apenas na corte de Luís XV passou a ser utilizado por mulheres. Hoje em dia, como disse Loubotin na Claudia, ninguém usa salto para pertencer a algum grupo, mas, sim, para proclamar sua individualidade. Espero, um dia, te entrevistar Loubotin. =)

Para mim, a primeira mulher que merecia uma foto é Carrie – Sarah Jessica Parker – porque ela é a diva do salto. Nos anos 90, quando Sex and the City começou sua trajetória, falando em sexo, moda e vida de mulher de verdade, deu uma certa reviravolta na cabeça da americana. Carrie, em algum episódio da 6ª temporada, não mais no anos 90, afirma o direito das solteiras ou ricas poderem comprar seus sapatos de salto de 500 dólares. É ou não é uma revolução? Durante as seis temporadas, Sarah se garantiu nos high heels, viu? Confesso, não sei se aguentaria. Afinal, bem sabemos: salto é lindo, mas dói muito. Calos e mais calos permearam a vida da atriz nessa época.

Não tinham como não falar nela neste post, não é só porque sou fã da série. Juro!

Já uma musa inesquecível quando unimos sensualidade e salto, é Merilyn Monroe. A loira cobiçada chegou a afirmar: não sei quem inventou o salto alto, mas todas as mulheres devem muito a esta pessoa. É muito diva, né? Tenho um quadrinho com uma foto dela na área de makes da minha bancada. Tem inspiração melhor? haha Se Carrie é vida real, Merilyn é como mundo dos sonhos dourados.

Uma mocinha de muito sucesso, ainda novinha, já está arrasando nos saltos. Emma Watson, daqui a alguns anos, você vira diva também, prevejo. Ela tem um estilo incrível e sabe combinar tudo com a idade dela. Uma fofa!

Ela é um bom exemplo daquela história das mudanças quando estamos de salto. Emma é super meiga, rostinho de menina boazinha, mas com esse sapato, meu bem! Ninguém segura mais a sensualidade dela.

Baixinha sem salto? Acho que Sandy só é vista no tamanho real pelo marido. Nunca vi a cantora sem um mínimo acréscimo de centímetros. haha

Difícil foi achar foto com look legal

Quer ser sensual? Sabrina Sato ensina. haha Sabrina é muito sexy, tem pernas invejáveis e está se vestindo direitinho. Ela me parece bem mulher real, mesmo gostosona. Pelas histórias do Ego, ela também sofre. Sem nunca deixar de lado os bons saltos. Claro.

Por último, a homérica Lady Gaga. Gaga não é só a cantora pop mais badalada do momento, ela nos faz esperar o próximo visual maluco. E ela amaaaa um salto daqueles fatais, absurdos de andar, mas ela consegue andar normalmente neles. Ai Gaga de que mundo tu saiste?

Depois dessa homenagem ao salto alto, graças a Loubotin, digo a vocês um conselho: se você não sabe usar os bons centimetros, não arrisque. Sair tropeçando é a treva e nada sensual, viu? Ao invés de ganhar poder, ganha micos. Começa com o baixinho e vai treinando em casa com os mais altos.

Agora, com vocês duas frases do Sir Loubotin para gente levar para a vida:

“Salto alto pode até incomodar, mas é como um relacionamento: você aceita coisas ruins por amor”.

“Se realmente estiver disposta (a usar saltos), vai descobrir um jeito de superar esses obstáculos (dor). Mesmo que esse jeito seja beber vodca com tônica”.

Depois dessa, vocês ainda vão renegar os bons saltos? Se joga!

😉

Gabi Albuquerque

Louboutin: bem vindo ao Brasil!

abril 27, 2009 às 8:00 pm | Publicado em Uncategorized | 2 Comentários
Tags: , , ,

OI!

Meninas e meninos, passei o fim de semana longe de vocês. Mas estou ansiosa com esse sorteio e também organizando tudo, fora minha vida social, estudantil e etcs… Bem, quarta passada foi a festa de lançamento da loja do queridíssimo Christian Louboutin, em São Paulo, e, claro, muitassss moças finas estavam no babado.

louboutin11

O designer de sapatos disse a Folha de São Paulo, coluna de Mônica Bergamo, que no Brasil não existe crise, aqui ele continua vendendo muitooo e ainda afirmou: Brasília é O lugar! Nós brasileiros somos malucos mesmo e continuamos comprando, Louboutin! Hahahaha

Aí embaixo a foto de Luciana Gimenez, não gosto dela mas os sapatos são MARA, né? O vestido preto, colante e de um ombro só é cara dela!

louboutinlugimenez

Reparem no excesso de blush da pessoa, ainda por cima de batom vermelho! Menos é mais, amiga!

Ana Paula Junqueira também aprontou por lá. Só não gostei da bolsa a la London! Hahaha

louboutinanapaulajunqueira2

A festa foi um arraso, com um visual bem sexy, luzes vermelhas, bem ao estilo dos sapatos de sola vermelha.

 

Bjokas

Gabi Albuquerque

Os delírios de consumo de Becky Bloom: figurino

abril 10, 2009 às 12:23 am | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Tags: , , , , ,

OI!

Agora vamos falar de cinema. Êba! Dia 10 de abril (sexta feira santa) estréia o filme Os delírios de consumo de Becky Bloom que eu fiquei super curiosa desde os comercias na TV mas super decepcionei quando vi o figurino. Ainda não vi o filme mas conferi os looks na internet! Estou bestificada: como alguém consome Louboutin, Marc Jacobs e Balenciaga e combina tudo de uma vez? A personagem me parece divertida e até meio estabanada mas usar todas as compras no mesmo dia não rola, né? Acaba passando muita informação e ninguém entende nada.

beky2pv3

Nessa imagem temos o exemplo da misturada! No primeiro look só não gostei da bota, as outras peças separadamente são bem lindas! No segundo gostei de tudo menos da luvinha, mas é porque não faz meu estilo mesmo. Quero o guarda roupa dela para usar diferente.

Meninas, pode ser que vocês amem a Becky no filme e seu figurino também, afinal gosto é pessoal. Mas realmente não fez meu estilo, no entanto pretendo assistir e rever, afinal delírios de consumo sempre afeta as mulheres mesmo que uma vez ao ano. Ah! E vejam nesse look da esquerda (foto abaixo) como tudo muda com menos informação. Já na outra foto… o que é isso?!

belikja1

Na propaganda do filme, Becky arrasa e esses cintos são MARA mesmo, né? Dão uma cintura incrível! Curtam o filminho e controlem seus delírios.

Print

Confiram mais looks: http://estilo.uol.com.br/moda/album/deliriosdeconsumo_album.jhtm

 

Bjokas

Gabi Albuquerque

As damas de vermelho

março 19, 2009 às 8:00 pm | Publicado em Uncategorized | 2 Comentários
Tags: , , , , , ,

OI!

Gente, a gripe me pegou de verdade e não quer largar! Muito triste isso mas tenho que continuar cumprindo minhas funções e uma delas é o blog. Hoje tem post decente, ontem não consegui.

Minha cor favorita (muitooo mesmo) está bombando por aí. É o vermelho! Uma cor como essa lembra poder, mulher segura, sexy e charmosa. Mas tem muitas fofas que não gostam de usa-la porque chama atenção e porque a pobrezinha tem um mito envolvente. Antigamente, mães e avós achavam o vermelho a cor das mulheres da vida (vocês me entendem, né?) e por isso ficamos com esse trauma deprimente. Mas vejam esse look aí embaixo, e digam se não é lindo!? Essa foto prova: uma peça de roupa dessa cor pode fazer toda a diferença. Essa moça tava na Semana de Moda de Paris. Muito chique ela e ainda é jornalista (by Australia).

vermelho1

Revista Elle

Outra imagem que adorei foi: Michelle Obama de vermelho, e ela é uma verdadeira dama (do tipo: adoro!). Depois faço um post exclusiva para a  senhora Obama. Voltando para o tema, ela usou esse vestido vermelho (by Maria Pinto) na primeira visita de Barack O. a Casa Branca, já Laura Bush preferiu uma cor terra (meio senhorinha, né?). Vestido vermelho é chique também, não tenham medo de usa-los, mas é bom ter cuidado com o corte, o tecido e os acessórios. Se o evento for de dia o ideal é um tom mais opaco, um tecido mais leve (linho, por exemplo), já a noite podemos ousar mais, com tons fortes e vivos e tecidos sofisticados (seda, cetim).

vermelho-obama

Os acessórios na cor vermelha são ótimos para um visual mais clean e ajudam naquelas horas que você está com pressa e não pretendem gastar tempo montando look. Relógios, brincos, colares, sapatos, bolsas e até óculos podem ajudar a produzir peças básicas. Fui fotografar umas peças minhas que adoro como sandálias vermelhas ou bolsas, mas a foto ficou horrivel! Desculpem! Mas assim que eu usar esse look, coloco por aqui.

Agora minha homenagem ao Christian Louboutin, um criador fantástico de sapatos. O design tem sua marca, as solas de suas criações têm a cor vermelho sangue, além dos saltos altos, e o moço ainda é francês. O único lugar que vende os modelos no Brasil é a Daslu e os preços, claro, são altíssimos e fora do meu alcance. Mas pra quem pode, vai a dica: até a pequena Suri Cruise já tem o seu! Encomenda aí e conta pra gente o poder do vermelho abaixo dos seus pés.

christianlouboutin-anemone-blackbow

Olha o vermelho no saltinho!

Para quem se sente segura, o vermelho é um vale tudo: unhas, cabelos, bocas, sapatos, bolsas, jóias, biju e, claro, vestidos! Só não vale usar tudo de uma vez ou ficar tímida depois que sair de casa. Ah, também vale em lingerie, mas procurem uns tons diferentes se não pode parecer falta de criatividade, né?

 

Bjokas

Gabi Albuquerque

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.