Cabelo de diva, quem não quer?

junho 30, 2011 às 8:34 pm | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Tags: , , , , ,

A mulher que não se importa com cabelo é uma vencedora. E as que se preocupam, me incluo nessa, sofrem. Já inventaram mil coisas para nos salvar dos problemas capilares, é tintura, progressiva, inteligente, hidratação, chapinha e etc. Mas nem assim a gente fica feliz, neste momento, por exemplo, estou segurando o retoque da progressiva por causa de um babado – vocês saberão em breve – e graças a isso passo lamúrias a cada olhada no espelho. Mulher 100% satisfeita é difícil, viu? haha

Bom, como estou adiando a progressiva – depois conto porque-, anteontem acordei num bad hair day daqueles terríveis e já estava pensando no que fazer para sair em público quando recebi a ligação do Salão Dorinha com um convite irresistível. É que o blog do espaço de beleza comemorou um ano presenteando algumas blogueiras com um momento de beleza. Se você é de Recife, com certeza já ouvi falar de Dorinha, o lugar mais badalado da cidade. Foi lá que fiz minha maquiagem e penteado do baile de formatura – arrasarammm! – e é onde onde tem Sassá, mestra das sobrancelhas.

Meu dia se animou depois dessa, fiz um coque feioso e sai por aí feliz porque no fim da tarde, ia ter cabelo de diva. haha Tive mais que isso, Linda que me atendeu fez uma hidratação incrível da Wella e ainda com massagem, quase durmo lá. Olha eu de dona Florinda:

Linda fez a escova secando mais com o cabelo enrolado na escova e depois faz uns enrolados com grampo. Resultado? Eu com cabelo diva, só o cabelo mesmo por sinal porque essas olheiras não são nada divinas. hahaha

E atrás fica cheio de movimento, do jeito que eu gosto.

Sim, quando acordei ele ainda estava belissímo. O Salão de Dorinha é um dos poucos que merecem a fama, normalmente me decepciono com os outros e o que já fiz de escova simples ruim, vou nem contar. Ah!!! Viram como meu cabelo cresceu? Estou gostando desse tamanho, achei o ponto! Mas também curti ele mais curto. Ai ai mulheres… hehe

Parabéns a Dorinha pelo blog e pela equipe. E obrigada pelo cuidado de sempre!

Salão Dorinha

Avenida Conselheiro Aguiar, 242, Boa Viagem – Recife.

😉

Gabi Albuquerque

Anúncios

Achado: Chanel às avessas

junho 30, 2011 às 12:47 am | Publicado em Uncategorized | 4 Comentários
Tags: , , , , , , , , ,

Sabe aquela bolsa de corrente com traços de linhas cruzados? Pronto, há pouco mais de um ano virou febre nas nossas vidas, todo evento noturno ou diurno tem alguém carregando a sua. Eu ganhei a minha da C&A há pouco mais de um ano – mamis me fez essa alegria – e ela está até hoje sendo muito bem usada. Mas de onde vem esse modelito tão famoso e tão querido?

Pois bem, numa determinada época madame Chanel cansou de carregar sua bolsa de mão e perdê-la ao esquecer em alguma mesa dos points  da época – imagina quem achava a bolsa, hein?! haha – e resolveu colocar uma alça longa para levar no ombro. Simples assim! Então, em fevereiro de 1955, a grife lançou o modelo 2.55 (por causa do ano de lançamento). Quem imaginaria que mais de 50 anos depois, a danada ainda faria o sucesso estrondoso?

A Chanel original tem 180 etapas no processo de fabricação, 60 peças são utilizadas para fazer cada uma e uma linha especial é utilizada para o acolchoado do matelassê. Tudo é feito à mão, hein gente? A parte interna da bolsa possui vários compartimentos, o flap (aba) possui um compartimento secreto para esconder, por exemplo, dinheiro e além desse, possui mais 3. Por isso, o precinho tão alto!! Mais ou menos a bagatela de  US$ 3.300,00.

Só que ai, meus caros, existe uma coisa chamada cópia. Luxo não é possível para todos, mas todo mundo deseja, né? O modelo se tornou modinha de novo em meados de 2009, lembro muito bem das mulheres loucas para comprar as suas “chanel às avessas”. Na época, ainda não tinha nas lojas fast fashion, apenas na Schutz, Arezzo e outras badaladas do gênero. Em dezembro daquele ano ganhei a minha C&A, foi apenas R$49,90, e desde então todo lugar imaginável tem sua versão Chanel.

Então, no meio da rua, em pleno centro do Recife, um pano forrado no chão e trocentas bolsas em cima. Todas com efeito matelassê em variados tamanhos, modelos e cores. Paro para perguntar o preço e? Pasmemmm, apenas R$ 13 – isso mesmo TREZE REAIS!!! Claro que comprei a minha, estava precisando mesmo de uma nude para meu armário.

Quando cheguei em casa, me surpreendi mais quando abri a minha nova aquisição.É dividida em compartimentos, muito prática!

Se você tem dinheirinho de sobra e quer investir na sua Chanel original, se jogue. É uma bolsa para a vida inteira e, muito provavelmente, suas filhas também usarão. Nunca sai de moda, né? Tem seus altos e baixos, é claro, mas é clássica e cai bem em qualquer ocasião. Agora, se assim como eu, você não tem cédulas para gastar na grife francesa, com menos de $15, já pode comprar a sua. É cópia e muita gente crítica as inspired – isso merece um post único – mas estou sendo realista. Não adianta celebridades e it girls posarem por aí com suas originais e falarem: “não compre cópia, prefira um modelo diferenciado e barato”. As pessoas se inspiram nessas mulheres e desejam aquele objeto, afinal ele agrega luxo. Entendem? E até Chanel curtia quando copiavam ela, dizia que era sinônimo de sucesso.

Arrasem com suas 2.55! Ah, antes que perguntem: comprei na Rua Imperatriz, na frente do Banco Santander, Boa Vista, centro do Recife.

😉

Gabi Albuquerque

Obra de arte para os seus pés

junho 28, 2011 às 8:00 pm | Publicado em Uncategorized | 1 Comentário
Tags: , , , , , ,

Criatividade e bagagem cultural são duas coisas essenciais no mundo da moda, aliás na vida, mas muita gente pensa que é suficiente ler revistas setorizadas, blogs de moda e sites especializados. Engana-se quem está com essa ideia, é bom abrir a mente. Cinema, teatro, filosofia, museus, artes plásticas e até tramas policiais de livros como de Agatha Christie podem lhe agregar valores e embasamento suficientes para entender as roupas e como uma peça influencia nas nossas vidas.

Exemplo de designer talentoso, não é a toa que Christian Louboutin ganhou o mundo das celebridades. Ele é admirável – tem uma entrevista com ele na Claudia do mês passado e disponível on line – e tem sede de novidade. Louboutin provou que não se fecha no mundinho fashion, no catálogo da coleção inverno 2012, ele convidou o fotógrafo Peter Lippman* e clicou as modelos reproduzindo obras clássicas de pintores como Georges de la Tour, Marie-Benoit Guilleme e Francisco De Zurbarán.

Se preparem para babar nessas fotos.

Inspirada na obra de François Clouet, Madame au Pigalilli et Catalina. Prestem atenção no tratamento de cada foto, todas com efeito de quadro mesmo.

Inspirada na obra Portrait d’une negresse, de Marie-Guilleme Benoit’s. Essa foi minha predileta.

A obra Magdalene and the Flame, de Georges de la Tour, foi a inspiração. Olha essa luz lateral, gente! Fotógrafo fantástico.

Inspirada no artista Francisco De Zurbaran.

Agora, se sir Louboutin focasse só em moda e vivesse atrás de it girls não teriamos metade dessa beleza.

*Peter Lippman é fotógrafo especialista em fotografias mortas – composição artística de diferentes objetos sobre fundos artificiais ou superfícies naturais.

Beleza para a semana toda.

😉

Gabi Albuquerque

Look da noite: matutas

junho 28, 2011 às 3:50 pm | Publicado em Uncategorized | 4 Comentários
Tags: , , , , , , ,

Eita São João bão, sô! Curtiram o feriado? Fora do Nordeste, deve ter tido algum arraiá organizado para vocês irem, hein? Eu acabei indo para Gravatá (friozinho agradável) na noite junina. Ainda tinha mais quatro matutas comigo, todas com looks registrados. haha Daqui a pouco as pessoas vão ter medo de sair comigo e ser fotografadas, viu?!

Começando por Kamila que usou aquelas calças jeggings (não é legging nem jeans normal) e blusinha com segunda pele por causa do frio. Esse tipo de calça também fica ótimo com bota de cano longo/médio, tipo montaria. A dela é da Oh Boy!, aliás o look todo é de lá.

Carol apostou no bolero estampado, adorei por sinal. Se você quiser fazer mais graça ou vai para um lugar mais badalado, coloca um broche brilhoso na aba e arrasa.

Maria foi a moça do floral. Este inverno não é só do xadrez, as flores estão com tudo. Acho mais delicado, tomei abuso do quadriculado por causa do São João. Daqui a um mês volto a gostar.

Georgia salvou a pátria junina e usou xadrez! Adorei o detalhe dos bolsos com pregas, fofo.

E eu! Viciada que estou nessas camisas, viu? Quando vejo uma já quero pra mim. haha Verde militar na abotoada (de Mamis) da Maria Arruda, aquela saia coringa da C&A (melhor compra do inverno), a meia para ajudar no frio, bota sem salto para não cansar essa velhinha. O colar é meu novo xodó, comprei a mesma pessoa que me vendeu o anel de prata e o colar “chanel”. Por favor, não reparem na minha cara sem noção, era meu feriado, tá?

São João cheio de matuta fashion, hein?!

😉

Gabi Albuquerque

Conversa de banheiro: o homem dos seus sonhos

junho 27, 2011 às 5:53 pm | Publicado em Uncategorized | 2 Comentários
Tags: , , , ,

Ele é alto, corpo bacana, malha, se alimenta direito, carinhoso, curte a família, ama viajar, lê bons livros, tem bagagem cultural, dedicado ao trabalho – mas não chega a ser workaholic -, socializa com os amigos, gosta de sair para dançar, não vira pro lado e dorme, se preocupa com você, cozinha, ajuda nas tarefas domésticas, se veste bem, não olha para as outras moças, é fiel, é amigo, bom de cama. Ele existe mesmo?! Ou está nos seus sonhos? Na sua lista de expectativas logo abaixo do plano de ter o corpo de alguma gostosona tipo Beyoncé? Ele não precisa fazer tudo que a gente quer, basta saber nos persuadir. Não pensamos nisso 24h do dia ou até não fazemos o gênero “lista de expectativas”, mas, no meio da nossa correria diária, no subconsciente está escrito todas as características acima, né?

Lindo, mas tem defeito. Vamos perguntar a Angelina? Aposto que dá umas sumidas. haha

E você? Deve ser muito boa, suponho, para um cara assim também lhe querer. haha Às vezes a gente quer tanto que o outro seja incrível que nem lembramos de nos tornar incríveis. Na verdade, inúmeras vezes esperamos uma intensidade tão enorme que não aproveitamos os segundos de simples alegrias. Essa danada dessa expectativa é um perigo. Basta o cara  usar camisa de botão no meio da balada para você dizer: “sem noção demais, nem vou perder tempo falando”. Confessa, é assim mesmo. O cara abotoado pode ser fã do mesmo filme que você e pode dançar a mesma música que você ama. Mas, né? Ele não está dentro da listinha – mesmo inconsciente – de qualidades.

Não sei quando começamos essa história de homem perfeito. Podemos culpar os contos de fadas infantis cheios de príncipes incríveis, podemos culpar também os filmes de romance/comédia romântica com casais maravilhosos e felizes, também pode ser porque as mulheres cresceram profissionalmente, buscaram tanta coisa, por que não o homem dos sonhos?

Lembra do filme “O amor é cego”? O cara é baixinho, gordinho e tem um defeito aí que nem lembro qual é e não vem ao caso, e não sai com uma menina linda porque ela tem o dedo torto. O que quero dizer é exatamente isso: na busca filha da mãe pela perfeição alheia, esquecemos da imperfeição nossa. Vamos baixar a bola? O que vai ter de mulher revoltada comigo agora não é pouco, mas não dou meias palavras, vamo lá.

A gente é chata, tem tpm, implica, liga mil vezes, quer o cara o tempo todo junto,  romance todo dia, flores nas datas especiais, uma sogra legal. Pensa aí gata! Dormir de conchinha é a posição mais incomoda do mundo, mas se todo mundo diz que é romântica, você também quer. Eu sei que tem homem raparigueiro, picareta, preguiçoso e vagabundo. Também não precisa se agarrar com qualquer coisa. Mas, fala sério. Não é porque ele não corre no parque todo dia ou porque não te leva para o restaurante cinco estrelas ou porque detesta filme de Woody Allen ou porque não sabe combinar o sapato com a meia que vamos joga-lo na lixeira, poxa.

Está na hora de não só abrir o coração, como falei outro dia, mas abrir a mente, abrir as portas para o novo de verdade. E se você quer tanto esse tal homem dos sonhos, então, pelo menos vá em busca de ser pelo menos uma mulher dos sonhos dele. Se ser gostosa é difícil, garanto que ser culta é fácil, basta abrir um livro.

Pronto, falei. E nem se abusem, viu? Pare uns cinco minutos ai pra pensar nisso e você vai perceber.

😉

Gabi Albuquerque

A matuta mais bonita do arraiá

junho 22, 2011 às 8:00 pm | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Tags: , , , , , ,

No último post junino, para o serviço ser completo, precisava de umas dicas de cabelo e maquiagem, né? Para vocês serem as matutas mais bonitas do arraiá e conquistar os matutos todos, selecionei umas fotos de tranças que acho o penteado junino mais bonito e prático, muito fácil de fazer sozinha. E se você não quiser prender todo, pode fazer uma de lado só para dar o charme. Agora, se vai para uma festa estilizada, tem os três pontinhos pretos nas bochechas rosadas e o cabelo divido em dois se não, não é matuta que se preze.

Essa de Julia Petit é a espinha de peixe, um pouco mais difícil de fazer, mas no fim do post vou colocar uns links para vocês verem os vídeos de como faz, tá?

Já a de Jennifer Aniston é aquela charmosa, lateral, só para entrar no clima.

Fernanda Pontes fez o visual todo, sem maquiagem, com duas tranças e vestido xadrez. Ficou linda!! Estou triste porque meu cabelo está curto e não consigo fazer mais isso.

Essa aqui é modelo simples, aquele trançado de três mechas mesmo, só que mais bagunçado. Minha preferida. A moça é Ashley Greene.

E Mariana Ximenes que teve uma ótima ideia, além dos dois rabinhos, ela prendeu com fitas coloridas.

E com maquiagem? Bom, se você não vai para festa estilizada, só faz as pintinhas se estiver com vontade mesmo da festança. E com o make, não precisa fazer muito babado no cabelo, se não fica exagerado. haha

Fernanda Paes Leme deu graça ao cabelo curtinho e ainda fez a maquiagem matuta. Nesse caso, ficou legal, né?

E Francine, a Ex-BBB, foi noivinha, mas deixou o cabelo normal e fez pintinhas.

Matutas, agora o São João está completo, né? Todas bem bonitonas para dançar juntinho, passear, comer comidas típicas e ouvir forró.

Links úteis:

Blog 2beauty, Marina dá ótimas dicas de maquiagem e algumas de cabelo;

Blog Diadebeaute, Vic tem inúmeras fotos de tranças, é só colocar na busca.

E esse vídeo ensinando a trança espinha de peixe, muito simples.

Bom feriadoooooo gente!!!

😉

Gabi Albuquerque

E onde a gente vai dançar forró?

junho 21, 2011 às 6:54 pm | Publicado em Uncategorized | 3 Comentários
Tags: , , ,

Preparados para o São João?! A essa altura todo mundo já deve ter escolhido o lugar que vai passar o feriado –  menos eu! haha – e hoje vou colocar aqui a programação dos points mais badalados. Escolhi quatro cidades: Caruaru, Gravatá, Campina Grande e Patos. Me restringi a Pernambuco e Paraíba porque são os maiores sucesso do país, mas se você estiver em qualquer outra região fora o Nordeste, se anima aí e vem pra cá, oras! Se não rolar este ano, vem no próximo, garanto diversão.

Começando por Pernambuco, Gravatá city fica a 80km do Recife e é pra lá que muita gente vai curtir um friozinho, mesmo sem ser época junina. Mas no mês de junho, a cidade bomba, são cerca de 500 mil pessoas visitando e curtindo os shows e quadrilhas do Pátio de Eventos. Este ano, a programação será assim:

23.06: Maestro do Forró / Cristina Amaral / Os cabras do forró / Amigos sertanejos

24.06: Pinga Fogo / Irah Caldeira / Galeguinho do forró / Cowboys do nordeste

25.06: Val Xavier / Magnatas do Forró / Fábio Junior / Luiz Neto e David

O que mais tem em Gravatá fora forrozar? Chocolate quente, fondue, trilhas, passeios culturais, compras – tem inúmeros pontos de vendas de móveis, decoração -, e se tiver numa casa, condomínio, faz uma festinha típica. Que tal?

Caruaru, a capital do forró, fica a 130km do Recife. Ano passado a festa, que dura os 30 dias do mês junino, contou com 1,5 milhão de pessoas forrozando. Lembrando as mocinhas consumistas, Caruaru tem um super polo de vestuário e uma Feira da Sulanca gigante, a maior do mundo. E de música, Gabi, o que rola?

23.06: Garota Safada / Santana / Jorge de Altinho / Brasas do Forró

24.06: Israel Filho / Nando Cordel /Magníficos

25.06: Mel com Terra / Novinho da Paraíba / Geraldinho Lins

Se você curte, aproveita a passada e almoça uma carne de bode, usa chapéu de palha, entra no clima. Afinal, você estará na capital do forró!

E vamos correr para Paraíba?! Campina Grande fica a 181km do Recife e a 125km de João Pessoa, capital paraibana. É uma cidade grande, mas cheia de manifestações culturais meio perdidas nas capitais nordestinas. Lá tem folclore, quadrilha, artesanato, viola, cantadores, vaquejada e muito arraiá. Campina disputa com Caruaru o título de maior São João do mundo. Eu não tomo partido, as duas são badaladas, as duas fazem por merecer os louros. E dançar agarradinho?

23.06: Cia Folclórica Orgins / Elba Ramalho / Ton Oliveira / Tony Dumond / Cezinha do Arcodeon

24.06: Apresentação dos grupos folclóricos Cia Livre e Raízes / Léo Magalhães / Luisinho Calixto / Alejadinho do Pombal

25.06: Forró Fest (TV Paraíba)

Por lá, se joga no baião de dois e esquece a dieta, gata! haha

Outro point paraíbano é Patos. Reúne uma mega concentração de jovens, porém é a mais longe do Recife e de João Pessoa, fica a 301 km da capital paraibana. Mas o local já é considerado o 4º melhor para passar as festas juninas e recebe cerca de 700 mil pessoas. Todos os amigos que foram, adoram e querem mais. Se prepara para dançar por lá.

23.06: Gatinha Manhosa / Nando Cordel / Chinela Dela / Valeu O Boi / Forró da Xêta

24.06: Balanço de Mulher / Forró Sacode / Jogo de Cintura / Bom SÓSÓ / Matéia do Forró / Solteirões do Forró

25.06:  Forrozão S A / Espora de Ouro / Forró de Lamparina / Cavalo de Pau / Léo Magalhães

Eu continuo sem saber pra onde vou, mas vocês já não têm desculpa! haha Agora, já tem roupa bonita e lugar para dançar o forró.

O NE10 está com uma sessão só sobre São João, tem receitas, dicas, matérias e até sugestões por Recife. Recomendo, é só clicar aqui.

Bom São João, leitores queridos!!!!

😉

Gabi Albuquerque


 

Conversa de banheiro: fui ser sozinha e já volto

junho 20, 2011 às 6:19 am | Publicado em Uncategorized | 7 Comentários
Tags: , , , ,

Vocês imaginam que alguns domingos já acordo pensando no que vou escrever aqui para a segunda, né? Na maioria já tenho algo em mente, mas acontece da minha vida estar tão normal ou minha mente estar pouco criativa, aí fico doida. Hoje (domingo) acordei sem nada no juízo, estou em João Pessoa e só penso no mar e em dormir. Mas, como boa nerd, passei numa livraria e um livro fez “plim-plim” na cabeça. O título dizia: como ser solteira? A capa tinha uma moça com uma mala de viagem. Pareceu simpático, mas não faço gênero leitora de livros de auto ajuda, principalmente ensinando a ser solteira.

A história de uma mulher que cansa da sua vida de solteira em Paris e resolve sair viajando “para descobrir se alguém tem uma maneira melhor de lidar com a solteirice”, diz o site da livraria Travessa. Isso mesmo, a moça passa por Sidney, Bali, Pequim e Rio de Janeiro. Quem não queria uma vida dessas né? haha Mas não estou aqui para discutir o romance de Liz Tuccillo. Mulher, solteira, jovem, trabalhadora, cheia de metas, sonhos, planos. Esta sou eu e mais trocentas outras queridas do sexo feminino. E essas são as chamadas das capas de revista feminina: “como achar o gato dos seus sonhos”, “quais baladas são as melhores para você achar o gato dos seus sonhos”, “look para conquistar, os homens vão se render”, “50 maneiras de seduzir”, e por ai vai.

Alguma vez isso já ajudou alguém? E como assim precisamos de ajuda? Será que as pessoas não sabem viver o momento que a vida proporciona? Ou as mulheres passaram tanto tempo em busca do par que hoje não se sabe fazer outra coisa? Tá, eu sei, é sempre bom um abraço quando você volta para casa, um beijo animado num domingo chuvoso, dormir juntinho (nem precisa ser conchinha). Não precisamos bancar as frias e independentes a ponto de negar o quão delicioso é ter uma mão para segurar. Mas, como disse outro dia, o amor pode acabar ou perdem o sentido juntos, ele acaba sendo um filho da mãe, você acaba achando outro fulano mais interessante. Enfim, os ciclos da vida.

Liz Gilbert (Julia Roberts), a inspiradora de “algumas muitas” mulheres

Daí, você se vê sozinha e compra essas leituras todas para deixar de estar só. Faz favor, né? E você mesma não conta? Os amigos, espero que você os tenha preservado, não são suficientes? E a carreira? Até uma viagem, como a mocinha lá do livro, pode surgir. Não vou bancar a mulher segura, daquelas de filme – chega em casa, come comida congelada, trabalha mais e diz não precisar de ninguém -, afinal sou humana. Tem dias difíceis, aqueles deprês, tpm, passa um filme romântico e você pensa como seria bom ter seu par. Nessas horas, amiga, lembre-se: também tem dia complicado quando se está junto, viu?! Recupere aí da sua memória as DRs, as ligações na hora errada, os estresses, os embates, blá, blá, blá. Amor supera muita coisa, sabemos, mas precisa de paciência e às vezes essa palavrinha deve ser renovada.

Então, gata, para quê ficar aí lendo essas coisas em busca de novo amor? Pode ler, claro, eu inclusive sou fã de revista, continuo comprando feliz da vida. Mas não se prenda a isso. Amor vem assim sem mais, precisa de estresse não. Aliás, amor sempre está lá, enquanto não tem com quem dividir, usa com você mesmo. Namora com você, descubra coisas novas, faz um passeio sozinha, viaja sozinha. Não ousa tanto? Pelo menos um café ou um sorvete perto de casa. Tá bom de falar, se não vou ser igual a revistas e livros, né? Cheia de conselhos.

Por via das dúvidas, sai bonita todo dia, tá? haha  Nunca se sabe, oras! A não ser que você esteja fechada para balanço, mas eu não faria isso por muito tempo.

Fui ali jantar sozinha e já volto…

😉

Gabi Albuquerque

Para dançar o balancê, um chamego de roupa nova

junho 18, 2011 às 12:36 am | Publicado em Uncategorized | 3 Comentários
Tags: , , , , , , , , , , , , ,

Mais um especial junino para as matutas irem para o balancê bunita e charmosa. Os moços vão ficar tudo animado com tanta beleza. Aproveitem a luz da fogueira, o dançado coladinho e cuidado com o milho nos dentes. haha Os looks de hoje são da Avesso, quem não é do Recife, se inspira nas composições e procura as peças parecidas aí na sua cidade. Ah, quase nada de xadrez por aqui, afinal de contas, variar é preciso. Como boa parte de vocês deve embarcar para outras cidade em busca de arraiá, pensei em peças versáteis, facilitando a bagagem. 🙂

O short jeans é garantia de muitos looks diferentes variando apenas a composição. Imagina ele como uma tela em branco. Nesta primeira foto, ele vai de matuta moderna com t-shirt cheia de detalhes dourado e o casaqueto, mais romântico, com manga de princesa. O casaco também cai bem com vestidos, daqueles justinhos (piriguete inspired), também é um dois em um.

O mesmo short pode ter uma outra versão, mais madura. Uma camisa de seda elegante com um cinto mais moderno dá uma cara mais arrumada a produção. Essa matuta arrasa demais, eu super usaria esse look no dia 23. haha Ah, frio demais? Meia calça e casaco, nesse caso a jaqueta motorcycle (citada no outro post) fica estranho, melhor um blazer de corte reto.

O detalhe das costas, linda com esses babados. Um salto alto cai bem nessa produção, hein?

A mesma camisa com um look mais glamour. Se você está afim de super se arrumar ou se vai para uma balada diferente, uma festa organizada, camarote e essas coisas mais phynas, amiga, se joga no paetê. O short preto brilhoso pode ficar legal também com muitos outros modelos de blusa, ou seja, curinga. O cinto de oncinha dá o charme.

Esse é o mais junino, camisa jeans e saia florida. Pras moça se joga no balancê sem perder o charme, um colar de corrente bem baphonico.

Agora dois looks que estavam prontos lá na loja e achei ótima ideia. Um masculino, com o xadrez clássico e calça escura. Presta atenção nessas camisas que estão na arara ao lado, vários tons de cinza e todas ótimas para sobrepor a estampa quadriculada.

Calça de chamois, com essas amarrações do lado, não é super inverno? Combina com aquela outra blusa de seda lá de cima e com a moderninha de detalhe dourado. E a blusinha rola com aquele short jeans também.

A estampa da blusa é uma graça, olha o zoom.

Todo mundo pronto pro arrasta-pé? Não faltou dica para uma festança cheia de moça bonita para dançar a noite todinha e ainda variar no par. Semana que vem tem dicas de cardápio, points e música.

E tome xote…

Um forró bem animado procês nesta sexta! Bom fim de semana!!!

Loja Avesso -Villa Felicidade

Avenida Rui Barbosa, 806, Graças, Recife

Telefone: 81 – 3301 7690

Twitter: @lojaavesso

😉

Gabi Albuquerque

Se avexe, o São João vem aí

junho 16, 2011 às 6:13 pm | Publicado em Uncategorized | Deixe um comentário
Tags: , , , , , , , , , ,

Hoje as “matuta” podem se preparar, o arraiá tá colorido! Mais uma participante nas sugestões juninas, a Cantão chegou com os looks do nosso festão. Fiz uma parada numa das minhas lojas preferidas, acho a cara das meninas praieiras e fãs de estampadões, e armei uma bagunça. haha As vendedoras muito simpáticas me ajudaram a escolher as peças e uma delas, Daniela, foi minha modelo por um dia. As pessoas entravam lá achando estranho a movimentação e o vai e vem de mulher, mas deu tudo certo.

Resolvi variar entre as fast fashion, como a C&A, e as lojas com peças mais caras, porém com melhor acabamento e durabilidade. Preparadas pro dois pra lá dois pra cá cheias de estilo? Estou escutando tanto forró para me inspirar que dá vontade de dançar e comer canjica. Quero ver todas lindonas nos arraiá, viu?

Um clique da vitrine com ótimas sugestões. Admiro quem faz vitrine bem feita, é como um título para um texto. O chama as abelhas. haha

Vestido jeans, só ele já dá um charme e com o cinto trançado melhor ainda (procure um para chamar de seu, ótimo para compor looks). Se estiver frio, já sabe, né? Meia calça, amiga. Neste caso, como ele já é básico, pode ousar na cor da meia: rosa, cinza, marrom, preta. Prefiro as opacas, porque emagrece. hehe E se você vai estar em um lugar muito muito frio, se imagina chegando com esse casaco. Arrasa! Precisa de mais nada, podem ver aí na foto, o resto é bem básico.

Agora nosso xadrez junino e a modelete do dia, Daniela Oliveira.

Amei essa blusa, é a estampa de sempre, mas com uma modelagem bem diferente. E o coturno? Amor a primeira vista. Essa história de fazer looks para vocês está quebrando meu orçamento. Resisti bravamente neste dia, mas meu pensamento era: outro dia venho aqui ver mais coisinhas. haha Uma maneira de deixar o visual mais noite, arrumado, é abusar do brilho como na pulseira e bolsa. Durante o dia é só trocar os acessórios.

Mais um modelo xadrez! Tá acabando, meninas, corram para garantir a sua. haha Arranjei uma modela lindona, hein?!

Esse vestido é curinga, pode usar assim blusado e curtinho ou soltão com a manga mais cumprida. Fora que a estampa é uma lindeza e fora do comum, não vai ter ninguém igual a você. Ah, para o friozinho, uma jaqueta de couro motorcycle (aquelas de motoqueiro, sabe? Tipo a da C&A no outro post junino).

Cinza degradê, linda, né? Se você não quer gastar com isso, melhor comprar uma preta porque combina com tudo.

Blusa divertida com saia estampada. Adoro essas misturas fora do comum, ousar é o segredo! Esse look é mais meigo, meio hippie com essa tiara. Confortável suficiente para dançar coladinho com os bofes. É a data para a paquera, hein? Aproveitem. hehe

Detalhe da tiara que também pode ser usada como headband.

Gostaram? Mais colorido, né? Por isso eu adoro essa marca. haha Aguardem mais dicas de looks, hein? Ainda tem mais loja na nossa vitrine. Vamos começar o esquente para o forró? Moças e moços de fora, curtam nosso som e desejem nossa festa.

Flávio José cantando “a burrinha da felicidade nunca se atrasa”.

Obrigada meninas da Cantão, vocês foram um amor. E um brigadão, especialmente, a Daniela que foi paciente e trocou de roupa mil vezes para minha pessoa. Bom São João para vocês!

😉

Gabi Albuquerque

Três mulheres, três vestidos, três looks diferentes

junho 15, 2011 às 6:56 pm | Publicado em Uncategorized | 1 Comentário
Tags: , , , , , , , ,

Não tem nada mais feminino do que um vestido, concordam? Tem de tantos modelos, tantos tipos, tantos cortes, chega ser missão impossível não achar um para seu estilo. Sempre fui fã, desde criança. Lembro que quando estava na pré-adolescência, minhas amigas só queriam calça jeans e blusa e eu lá, no meu vício. Sendo criticada, por sinal. Ai fase difícil essa, viu? Como o mundo dá voltas, hoje todas querem usar o danado, já entrou nos looks de trabalho e até a apresentadora do telejornal esportivo usa.

Eis que sábado fui para o aniver de uma amiga muito querida e advinha? Mais da metade das convidadas usavam vestido ou saia. Pura feminilidade no ar. Como estava com minha câmera a postos, não perdi a chance e cliquei a aniversariante, a amiga dela, e outra amiga nossa. Já separei duas bolsas noturnas que cabem minha máquina, hein? Preparem-se, Gabi está a solta. haha

Aline, Gabriela e Alice Souza são o primeiro look da noite do blog. 🙂

A galega assim como eu é fã da Avesso e estava com vestido comprado lá, a marca é Champagne, e sapato da Carmen Steffens. O modelo é bem justinho, a magreza dela é invejável e não está  à venda em nenhuma loja. haha Gabriela, adorei o teu vestido! Tecido confortável, cor do inverno e folgado com cinto para acinturar. O modelito é da Checklist, o sapato da Arezzo e a bolsa, também linda, ela comprou na Dona Filomena (Boa Viagem).

Olha o detalhe do acessório:

Acho lindo bolsa de palha, pode ser chique na praia, num passeio a tarde e até na noite.

Já Alice investiu num outro jeito de usar o vestido. Lembra que branco é tendência neste inverno? Pois bem, ela foi super trend, além do branco, apareceu com camisa xadrez e cinto fininho na cintura.

O vestido foi da DWZ, a camisa da C&A (estou precisando de uma dessas, haha), o sapato é empréstimo da mama. Ah, e o cinto? Adivinha? Ela foi atrás lá no centrão do Recife graças aquele post de achados! Apenas $2! Esse visual de Alice é muito adaptável ao São João também. Uma maneira diferente de usar o xadrez, ainda por cima com pink. Ah, o sapato boneca deu todo um charme feminino e romântico a produção.

Tem nem o que dizer mais dessas três. Três mulheres, três vestidos lindos, uma noite ótima e divertida. O mais legal de abrir as lentes para o mundo extra blog é a gente poder ver como uma mesma peça pode fazer diferença em estilos diferenciados. Por isso, abram o olho, meninas! Não é só na revista que tem moda, como sempre repito.

😉

Gabi Albuquerque

Looks para acender a fogueira do coração

junho 15, 2011 às 4:34 am | Publicado em Uncategorized | 4 Comentários
Tags: , , , , , , , , ,

“São João, São João, acende a fogueira do meu coração”, esse trecho é clássico no Nordeste, entoado em todo este mês. A ansiedade pelo dia 23 de junho já está rondando os animados desde maio, e é bom planejar antes mesmo, porque a esta altura, poucas vagas restam nos hotéis do interior e agreste. Em Pernambuco, o foco é Caruaru e Gravatá onde rola os shows, as festas, as quadrilhas, as fogueiras, os fogos de artifício, comidas típicas e muito arrasta pé. Mas a Paraíba também é forte no quesito Junino, Campina Grande e Patos atraem o público em busca de diversão e friozinho. No geral, toda região se entrega as comemorações do santo, por aqui é feriado declarado e mesmo na capital, o clima é de festança. Já passei a data fora e é completamente diferente, cadê a canjica de verdade, gente?! haha

Como toda essa festa já é no próximo fim de semana (23 a 26 de junho, feriadão), resolvi ir a caça dos looks juninos. As meninas já estão loucas procurando as roupas para carregar na mala. haha Ah, e nada de só pensar no xadrez, hein?! Vamos nos diferenciar do senso comum. E se você vem de outra região para cá só pra curtir o São João, semana que vem tem dicas dos lugares, ok? Lembre-se que os points mais badalados têm temperaturas amenas ou baixas nesta época do ano. Vamos as fotos!!

Hoje, as dicas são da primeira parada, a C&A. Seria muito bom se a turma das lojas de departamento deixassem a gente fotografar as peças nos manequins ou cabides livremente, mas gostam de dificultar, né? Tive que entrar no provador, tirar foto com minha cara de sono que ainda bem eu consegui cortar na edição. haha

Blusa: $39,90 / Saia: $59,90

Começando com a saia longa – em mim super longa, precisaria ajustar – e uma blusinha. Neste look você pode jogar uma bota preta ou uma rasteirinha, fica um arraso. E já que lá não posso montar o visual todo – com bolsa e sapato – vai uma foto de como fica bacana o comprimento maxi. A moda está assim gente, entre dois extremos, ou piriguete ou longão. haha

Olha a Pepa, blogueira do lovelypepa, aí mostrando um visual legal. Ótima para o dia, mas se colocar um colar brilhoso e uma bolsa baphonica arrasa a noite da fogueira.

Blusa: $39,90 / Short: $59,90 / Jaqueta: $169,90

Short jeans é mara, você já deve ter um aí, é só compor o resto. Conforto? Sapatilha. Glamour? Sapato oxford com saltão. Ah, a jaqueta é investimento, fiquei bem tentada, inclusive. Muito bonita e veste super bem. Fica ótima com vestido de tecido fino, saia de cintura alta, looks muito femininos, porque quebra o romantismo. Olha como fica legal a composição com vestido:

Ema Watson arrasadora. 🙂

E o short com meia calça é puro fashionismo. A francesinha Betty sempre nos provocando com looks criativos.

Voltando a C&A!!! Animal print e calça camelo, tudo trend neste São João.

Calça: $59,90 (achadooo) / blusa: $39,90 (comprei pra mim hehe)

Essa calça é perfeita, nunca gosto de calça na C&A e essa me conquistou. Vestiu direitinho, justinha na medida, cintura alta. Rola com camisa de botão, batinha, blusa de malha tipo essa da foto, ela é multifacetada. Ah, e com uma composição comportada ainda entra no trabalho. Mas, bota cano longo por cima fica babado na noite junina. Olha uma sugestão aí:

Rachel Bilson com bota montaria e camisa de botão. Tinha a calça preta também na C&A, eu prefiro a bege porque o preto fica desbotado logo. Mas esse look aí derrubaria o coração dos gatos no arrasta-pé.

E aí, curtiram as dicas? Não saia comprando agoraaa, tem mais looks de outras lojas, tá? Melhor ver tudo antes de se jogar na carteira. haha

😉

Gabi Albuquerque

Conversa de banheiro: pirigueta eu, pirigueta tu

junho 14, 2011 às 7:19 am | Publicado em Uncategorized | 2 Comentários
Tags: , , , , , , ,

Começou com a compra de um short jeans escuro, a desculpa foi o Carnaval se chegando. Depois foi um outro short ajustado, seria melhor ser de cintura alta. A costureira avisou da consequência, mas nem liguei. Logo menos, uma saia preta me olhou muito com seu tecido “couro” e me rendi, comprei com a desculpa de estar em alta esse sintético, afinal está chegando o inverno. Mais um short jeans mais clarinho e lindo. No último, não tive culpa, foi presente de aniversário. Uma saia branca, meio pétala, também linda. O que tudo isso tem em comum? Todos têm comprimento acima do joelho, aliás, muito acima. Quando notei essa novidade no meu armário, me perguntei desde quando achei minha saia preta lápis na altura do joelho muito cumprida. Será que foi culpa do funk do “lance é lance”? E como assim desencanei das minhas pernas por aí?

Engano meu, não começou com aquele short. Desde o ano passado venho, aos poucos, me rendendo aos tais comprimentos menores. Logo eu que vivo falando por aí “genteee, piriguetismo está em alta, né?”, haha, quando vejo as meninas desfilando seus vestidos mini e apertados. Não cheguei nesse nível, é claro, até porque não tenho corpão pra isso e mesmo que tivesse, ainda tenho meus pudores. Imagino, agora, Herve Leger se revirando vendo sua criação dos anos 80, o bandage, voltando com toda força em 2009, sob o comando de Max Azria, e ganhando as ruas do Brasil logo em seguida. Agora sim chegamos ao ponto de partida, tudo começou naquele ano.

Blake Lively sensualizando no modelito bandage

Agora você deve estar pensando “Gabi endoidou. Eu não pirigueto, sou mina de família”. Não, gata, até as minas de família entraram na onda. No corredor do shopping zona sul do Recife perdi a conta de quantas mulheres passaram usando roupas de comprimento quase zero. E eu com vergonha do meu short! Ah, vale ressaltar, a maioria acompanhada, hein?! E os homens não estão mais se fazendo de rogados, passeiam livremente com cara de “tenho uma gostosa, e você?”. Só me vem na cabeça o “creuuuuu, creuuuu”. haha Olha o mini de Mariana Rios combinado com salto alto. Acho que o salto contribui 90% nos looks piriguetes, quanto mais alto, mais sensualiza.

No banheiro da balada é só o que se vê, todas desfilando seu lado piri piri. E na pista? Todo mundo bota a mão na joelho e aí, minha amiga, a mina de família se rende ao ritmo e desce até o chão. Alguém com vergonha? Nada! Alguém preocupada se o bofe vai achar oferecida? Ninguém! Gordurinha fora do lugar? Hã? Que nada, menina. Lembro quando entrevistei Michelle Melo, há uns 8 meses. A musa do brega no nordeste me disse o seguinte: “Acho que a mulher tem que se amar e nem ligar para pneuzinho na barriga. Acho ótimo, não só eu, como todas as meninas, usar saia curta, vestido justo, blusa decotada. “. Michele, sua danada, agora todas abusam da sensualidade.

Michelle Melo canta sensualizado / foto ruim, mas o Google imagens estava fraco

Temos que confessar, então. Prontas? O tal do bandage dá uma elevada na auto estima, né não? E aquela saia mais curta? O decote? O dress code periguetismo é babado e gritaria no espelho. A alma devassa, aquela que não pegou em Sandy, invade seu corpinho e daí pra frente é só se amar. E se você ainda não se rendeu ao novo verbo “piriguetar”, nem se preocupe, logo logo ele bate na sua porta. E se o bofe reclamar, diz que é melhor essa tendência que a calça boyfriend. haha

E ai? Vamo pro baile de de sainha? Para ninguém exagerar por aí, umas fotos de inspired. E, muito importante, cuidado com o corpo, hein? Sensualidade tem limite. Não adianta colocar um tubinho mega justo se você está acima do peso. Dica para estes casos: se joga no decote, tipo Preta Gil, ou se colocar short ou saia curtos, compõe com a blusa mais folgada, mesmo que caida no ombro. Ok? Tem um post aqui só para gordinhas poderosas. 😉

Sabrina Sato, A musa.

Lembra quando Mariana Ximenes fez a menina má da novela? Ela super piriguetou!

Queen Latifah passeando aqui mais uma vez, toda poderosa.

Gatas, é só arrasar! Aquele shortinho que você está com medo de usar pode ser uma boa no próximo fim de semana. Com cuidado, por favor! Sensualizar é perigoso, tem hora e lugar. Guarda o piriguetismo em alta para os dias de diversão.

😉

Gabi Albuquerque

Vem dançar comigo?!

junho 10, 2011 às 7:45 pm | Publicado em Uncategorized | 2 Comentários
Tags: , , , ,

Voltaram, né? Prometi música de romance e vou cumprir. Antes, vou repetir o que falei no post dos solteiros, caso vocês já amados tenham pulado, “Eu queria mesmo era colocar um link aqui para vocês fazerem o download, mas esta blogueira é lesa com essas coisas tecnologicamente avançadas e não consegui cumprir essa tarefa. Prometo promover estes post musicais de youtube para alto nível quando achar alguém profissa no ramo. (Quem se habilita? haha)”.

Sim, agora este post de verdade. Vocês já notaram que quando a gente está namorando raramente sai para dançar? Quantas vezes em anos de relacionamento você aí apaixonado levou sua moça para colar o rosto no seu? E você, sua romântica, quantas vezes propôs no lugar do cinema, um “bailinho”? Pode ser forró, clássica, bossa, jazz, love songs, mas tem que ter o corpo junto, a mão na cintura, boca no pé do ouvido. Eu os proponho, hehe, se forem sair ou não, enquanto estiverem em casa (se rolar privacidade, claro), gravar um cd e chama sua parea para dançar. Que tal?! Se não rolar um momento privado, faz loucura, tipo filme, vai pro parque ou pra praia, leva o mp3, mp4, ipod – essas tecnologias – e pronto, dança! Quer coisa melhor pro coração? A segunda-feira vai começar com um sorrisão, aposto!

Vou sugerir algumas músicas via o “tubão” – amigo youtube -, aí você baixa aí em casa as que curtir ou as preferidas de vocês e vai dançar, vai!

Começando com a versão bossa nova de Is this love, do Mr. Marley. Linda demais, uma delícia. Fecha o olho e ouve, dá todo um clima.

Trilha do filme Um lugar chamado Notting Hill. O nome é When you say nothing at all, de Ronan Keating. Fofa, sem ser muitooo lenta.

Uma brasileirinha com “meu” ruivão Nando Reis. Pra você guardei o amor com Ana Cañas. Baixa essa versão, hein? Tudo dele é lindo pra mim, então fica bobo elogiar, né? Mas a voz feminina deu um gás a essa música.

Marvin Gaye tinha que estar nesta lista, essa voz entoando nos ouvidos dos casais. Romance puro!

Essa aqui pode cantar junto baixinho para se declarar. Recomendo, leitores machos, as meninas ficam mole mole. 🙂

Dois clássicos, a música La vie en rose, e o cantor, Louis Armstrong. Ahhh,lembra daqueles filmes com bailes de verdade?! A Torre Eifel tá do seu lado, o rio Sena, Napolis… Qualquer lugar romântico dos sonhos, só é imaginar!

Quase sai dançando com o cabo da vassoura. haha

A última é para vocês rirem um pouco porque amor não é só romance, né? Amor bom mesmo é daqueles que faz a gente achar tudo engraçado, tá, depois de um tempo nem tudo. Mas, é dia dos namorados, inventem dancinhas malucas, passos só de vocês. Como Lu e Ícaro, casal do vídeo de ontem.

É da trilha do filme Quero ficar com Polly. Só a cara desse ator já faz rir, lembrem-se dele na hora da dancinha, duvido não animar.

É isso, casais! Lancei a campanha do “vem dançar comigo”, agora é com vocês. Aproveitem o fim de semana, o domingo e todo tempo juntinhos. Espero que tenham se divertido e se emocionado por aqui na semana especial “Dia dos namorados”, tudo foi feito com muito carinho para esses leitores muito queridos.

Obrigada mais uma vez as pareas de ontem, o vídeo foi uma delícia de fazer. 🙂

Ah, e termino a semana com a mesma frase de Vinicíus da segunda, “é infinito enquanto dura”. Aproveitem, de verdade, seus infinitos. Muito amorrrrrrr pra todo mundo!

😉

Gabi Albuquerque

All the single ladies and boys

junho 10, 2011 às 7:35 pm | Publicado em Uncategorized | 2 Comentários
Tags: , , , ,

Agora sim, badalação para solteiras e solteiros! Ao invés de ficar ai pelos cantos, chorando pelo não namorado ou não namorada, pense com seus botões que este pode ser o último dia dos namorados sozinha (o) da sua vida, semana que vem pode rolar tudo que escrevi naquele post de segunda-feira. E você aí brincando com a vida, né? Vi uma frase pelas páginas da internet, se você for o autor e estiver lendo se identifique porque não sei a quem dar créditos, “daqui vinte anos, você estará mais desapontado pelas coisas que não fez que pelas que fez. Então, solte as bolinas e navegue para além da segurança do porto”. Entenderam? Aproveite seu status e melhor ainda, aproveite sua vida.

Faz um flashback ai, não é sempre que você pode se jogar na balada com as amigas ou amigos, usar aquela saia curta sem ouvir gracinha, olhar pra quem quiser. Meninos, é o dia de poder olhar cada par de perna que passar e tomar mil copos de uísque ou cerveja, ninguém vai regular: “tá bom, amor”, “amor, já passou do limite, viu? Vamos embora” e etc. Proponho, então, um fim de semana bem animado e arretado de bom, porque “hoje é sexta-feira e só tem outra daqui a 7 dias” by Priscilla Olegario. 😉

Para dar aquele fôlego, as músicas mais estimulantes do nosso “set”. – Eu queria mesmo era colocar um link aqui para vocês fazerem o download, mas esta blogueira é lesa com essas coisas tecnologicamente avançadas e não consegui cumprir essa tarefa. Prometo promover estes post musicais de youtube para alto nível quando achar alguém profissa no ramo. (Quem se habilita? haha) –

Enquanto isso, se sacode com o “tubão” mesmo. 🙂

Tinha que começar com Beyoncé chamando todas as single ladies, né? Está convocado pela dona Rebolado, não tem pra onde correr.

Para escutar no carro, a caminho da festa, dando aquela certeza de uma noite no mínimo divertida. Sim, porque pode acontecer da balada ser uma porcaria, das pessoas dos bares serem nada com nada, mas você vai se abalar? Jamais!! Volte para casa rindo das bizarrices.

E Cindy Lauper que já passou aqui em outro post, mereceu voltar neste! Essa música completa a anterior, no final todos querem se divertir, não só as garotas, né? Anos 80 fazendo história no lema da solteirice.

A velha e boa batida de David Guetta, não tem como não dançar. Sinta a vibração, assume o seu lado sexy e arrasa! *Ignorem o fato de estar escrito errado ai no “tubão”, é Sexy Bitch, não Sexy Chick. =p

E aquela que cantava todo dia no Big Brothet, haha, para colocar quando estiver se arrumando. Todo mundo começa a cantar logo já que a letra é muitooo difícil, haha. Já vai entrar no carro no clima, prontos para ouvir Black Eyed Peas.

Ke$ha pra quando acordar desnorteado e pensar logo no próximo fim de semana.

E para rir, no domingo à noite, enquanto todos os casais estiverem por aí disputando mesa. Esse funk é algo assim muito bom, cara!! haha

AI AI essas mina nada haver!

Pois então, agora não tem mais motivo para chorar, né gatos e gatas solteiros?! Eu sei que todo mundo quer um colo às vezes ou uma companhia para jantar, mas faz um acordo com você mesmo e aproveita o momento. Amor não tem hora marcada, não chega assim quando você quer, por isso não adianta procurar, fazer promessa, implorar a St Antonio. Como diz Martha Medeiros,  “o amor aparece quando menos se espera e de onde menos se imagina, é que nem tesourinha de unhas, nunca está onde a gente pensa.  Idealizar é sofrer. Amar é surpreender.” Essa Martha entende das coisas, né não? haha Se deixa levar de coração aberto e surpresas podem chegar, seja do amor ou da vida correndo e você aproveitando cada segundo.

Tá dado o recado! E pode aproveitar profissionalmente também, viu? Por isso a sexta tem tanto valor. haha

Espero que mesmo solteiros, vocês tenham curtido a semana especial dos Namorados. Se você estiver muito sensível, não leia o post musical dos casais nem aperte play por lá. Ok? Divirtam-se no fim de semana, seus lindos!

😉

Gabi Albuquerque

Look do dia: laços invisíveis

junho 9, 2011 às 4:43 pm | Publicado em Uncategorized | 11 Comentários
Tags: , , , ,

Hoje a gente não precisa de look do dia, a gente precisa ver é o amor do dia, neste caso os amores. Lancei a campanha no Facebook e Twitter (sigam-me os bons, haha, @gaabizz) e pedi para os seguidores e curtidores me mandarem fotos deles com seus pares. Foi sucesso, hein?! Todo mundo se empolgou e recebi muita coisa linda. Claro, não contei o que ia fazer com os cliques, haha, e hoje é o dia da surpresa.

Tem uma música de Leoni chamada Fotografia que diz exatamente o que pensei para esse post especial, “o que vai ficar na fotografia são os laços invisíveis que havia”. A letra toda é linda porque Leoni é um daqueles últimos românticos, mas este pedacinho em destaque diz tudo e mais um pouco. Porque quando a gente quer lembrar aquela sensação boa de um dia muito bom pros nossos corações, a gente pega a foto e sente tudo de novo. Porque na imagem fica guardado o afeto, os beijos, os flagras, a praia, a viagem, o começo, a paixão. Caixas de fotos na casa é sinal de uma vida bem vivida e registrada, garantia de que anos depois novos sorrisos surgirão por uma mesma história.

Então, seus românticos e apaixonados, as fotografias enviadas, cheias de laços invisíveis, se tornaram esse vídeo. Pedi também a maioria que me contasse algo diferente do casal, apelidos, músicas, passeios, códigos, e com isso formulei frases ou abri aspas correspondentes as fotos. Algumas nem todo mundo vai entender porque são as particularidades das duplas. A gente fica com a imaginação, aliás vocês porque eu sei de tudinho agora. hehe

Aumenta o som, galeraaa!!

Obrigada aos pares, pareas, amores:

Anamaria e Wil, futuros noivinhos, cheios de planos e sonhos.

Alissa e Ygor, recém namorados já cheios de histórias e de pasteis.

Julia e Marcus, porque o chatinho é chato mesmo, mas a simpatia da menina derruba o menino.

Carol e Thiago, desde a faculdade juntos enfrentando a distância entre os bairros.

Asaph e Armony, esse foi o casamento dos melhores amigos de infância.

Camila e Thiago, os dispostos se atraem e time oposto não distrai.

Carmem e Lucas, casal 100% alegria. Vocês são daqueles que fazem todo mundo rir e se fazem rir.

Daniel e Eliza, duas doçuras se conheceram e começam agora uma jornada. Que seja sempre assim, né?

Irce e Pastich, porque ele ama surfar e ela ama praia, isso foi arrumadinho do destino pra ficarem perto.

Paula e Rafael, esse “mari” e essa paulinha são amor no twitter, no jantarzinho da sexta, nas provas dela e nos trabalhos dele.

Gabi e Marlinho, tão lindos juntos que foi difícil escolher a foto. Os Bê tão juntos até na balada.

Aline e Alexandre, esse casal querido cheio de energia. Até no sobrenome, transbordam de paixão. ( Tava com saudade de vocês, ainda bem que voltaram.)

Lu e Icaro, esses dois é uma energia daquelas bem boa e sem tamanho. (Aqui merece um parêntese, eu tenho tanta saudade desses dois que sei não viu?! Essas caretas, como a da foto, que me fazem rir a qualquer hora, estão longe há tempo demais já!)

Marta e Diego, desde adolescentes crescendo juntos, mesmo quando ele prefere ver um filme e ela prefere passear.

Carol e Toni, recém casados realizados depois de muita história. Amor daqueles de filme hollywoodiano!

Rafaela e Daniel, a cada ano que passar, mais amor pra vocês.

Bethânia e Rafa, por vocês serem esses românticos diferentes, do amor do dia-a-dia, real.

Espero que vocês tenham gostado do vídeo, das frases, da música e da homenagem simples aos casais queridos. Foi muito divertido ver cada um contando seus relacionamentos, seus apelidos, suas marcas e participar um pouco de cada história. Bom mesmo foi colocar tudo isso em três minutos de youtube e enxergar tanto sentimento em cada foto, encheu meu coração também. E o que mais que posso falar? Que usei toda minha criatividade e mente de jornalista para oferecer as palavras, é  só o que tenho, aos namorados! No final, quem mais ganhou fui eu, não tinha como não ser atingida por essas lindezas.

Desejo a essas duplas e todas as outras, um dia dos namorados bem divertido e com muito beijo, abraço, sorrisos, agarros e tudo que se tem direito, tá? Mesmo se estiver sem dinheiro, vale um bombom de chocolate e a companhia, o mais importante de tudo sempre.

E podem voltar amanhã que tem mais! O último post da semana especial é musical e cheio de coisa linda de escutar. Solteiros, não se aflijam, tem umas batidas pra vocês – nós – também.

😉

Gabi Albuquerque

Presentes diferentes para os homens de sempre

junho 8, 2011 às 6:49 pm | Publicado em Uncategorized | 7 Comentários
Tags: , , , ,

Todo ano é a mesma ladainha, mulheres loucas sem saber o que comprar para o namorado. Presentear homem é sempre difícil, mulher fica boba com qualquer buquê de flores. Vocês, homens, são criaturas complicadas, uns não gostam de ganhar roupa, outros amam eletrônicos super caros e assim vai. Mas, estou começando a crer que nós não queremos é assumir o que vocês gostam, sabe? Por isso, selecionei uns presentes bem diferentes ou não tanto assim, mas que vão agradar muitooo o bofe. Nada da frescura do cupcake, da cesta, dos laços. Muito hormônio testosterona para namorados e maridos felizes. hehe

Primeiro, a revista mais amada do meio masculino, a Playboy. Segundo eles, as páginas têm muito conteúdo e eles compram por isso, desculpinha ou não, vamo investir no gosto deles, né? Nem me venham com ciúme, viu? É revista, minha gente, tem nem graça a concorrência. hehe Relaxem! Quando ele ver a sua iniciativa, vai pensar: que sorte a minha, essa mulher é arretada mesmo! A assinatura custa 6x $24, para 1 ano, ou 12x $24, para 2 anos. Se joguem.

Se ele for do grupo que não curte mulher pelada, recomendo a assinatura da Alfa. Essa revista é dois em um, se o seu bofe for meio lento em alguma área da vida, seja carreira ou relacionamento, essas páginas podem ajudá-lo. No fim das contas, você também vai lucrar, né? Até eu fiquei com vontade de ler as matérias e todo mundo que já leu, adora! A assinatura para 1 ano custa 6x $20 e para 2 anos, 12x $20.

O Ipad 2 é o novo queridinho do mundo tecnológico, se você tiver muito bem de salário ou se ele merecer muitooo – isso é importante – aí minha amiga, se joga na brincadeira. Agora, aviso prévio, ele vai se distrair bastante com o aparelho, descobrindo mil aplicativos, relaxe. Enquanto isso, vai caminhar no parque, bater papo com as amigas, ler suas revistas, qualquer coisa. Só não reclame, afinal, você que deu. Ele vai amar o presente de apenas R$2.000,00. Ai meu bolso!

Se eu me divirto com Two and a half man, imagina os homens! Muito triste a saída de Charlie Sheen, o personagem mais divertido ever, mas isso tornou a série mais lendária ainda. Assista com ele e garanto risadas, a não ser que você seja muito muito cheia de mimimi, se for, deixe disso, amiga!  O box com a 1ª até a 5ª temporada custa $199 na Saraiva e cada temporada avulsa custa em torno de $59,90.

Do mesmo jeito que a gente tem uns filmes queridos e amados, eles também têm. O Bonequinha de luxo está para a mulher como O poderoso chefão está para os homens. Compra a coleção logo toda, se puder. Agora, você conhece seu homem, né? Pode ser que ele prefira O Homem Aranha, Clube da luta, a saga de O silêncio dos inocentes, Super Homem e etc. Descubra o preferido dele e invista. A trilogia do Poderoso Chefão custa em torno de $140.

Esse presente, ele vai adorar. Economiza e ainda sai com o carro adorado renovado. Amiga, descubra onde ele costuma levar o queridinho dele para fazer revisão ou dar uma recauchutada, vai lá e vê o que pode ser presente. Pode ser a revisão, um novo acessório, um up grade no som, qualquer coisa que ele jamais imaginou que você e sua cabecinha feminina iriam pensar. hehe Os preços variam muito no Brasil, vou nem chutar. (confesso, nem imagino! Mas deve começa com dois zeros.)

Por último, dica de um amigo que super aprovei. Gata, compra um vinho, cuidado ao escolher, peloamor. Não vai economizar e deixar o cara mole e de ressaca, né? haha Compre um bom vinho para tomarem juntos, normalmente os homens preferem os secos, mas nunca se sabe, né? Descobre aí o do teu bofe. Se souber cozinhar, combina com o prato. Se não souber, trate de encomendar logo um jantar. Coloca na mesa uma orquídea, flor masculina, que também pode ser presente. Claro, tudo isso com aquele vestido especial, ok?

Se for pro cinema, não veja romance, escolha uma comédia, vocês saem leves e soltos e não tem aquela população de casais abusados. Pense diferente minha amiga, se for pra ser igual a todas, qual a graça de ficar só com você!? Seja ousada, escreva bilhetinhos. Preciso dizer do que homem gosta mesmo? Não, né? Escolhe logo um cd animador, uma lingerie legal e não se metam nas filas dos restaurantes, é tédio na certa. Esperar e esperar, ninguém merece!

Taí, um dia 12 que ele nunca esquece! hehe

😉

Gabi Albuquerque

Estou solteira, e agora?

junho 7, 2011 às 8:18 pm | Publicado em Uncategorized | 2 Comentários
Tags: , , ,

Eu sei que você vai me achar doida, que deveria estar aqui falando das baladas e das festas. Solteira, né Gabi? É para se jogar no mundo e esquecer o resto. Meninas, sem afobação, um domingo em casa só pra você, imagina só! Nada de ter que pensar no jantarzinho, na roupinha, no presente, nos pormenores todos do Dia 12, neste dia você pode fazer qualquer coisa. Entre elas ficar de pijama o dia todo, cabelo bagunçado, comendo qualquer coisa da geladeira, fazendo pipoca, se entupindo de sorvete. Dia da preguiça, supondo ainda que na sexta e sábado já foi de muito bate cabelo, haha. Isso é raro quando se está namorando, confessem. No mínimo você ia correr para dar um jeito nas olheiras, colocar um perfuminho, alguma coisinha. E se já mora com ele, não ia passar o dia dos namorados baranga, né?

Então, amiga solteira, pega teu filme, coloca no DVD, puxa o edredon, escolhe a bebida – chocolate quente, cerveja, vinho-, corta o queijo, pede uma pizza ou simplesmente abre o sorvete, liga para aquela amiga parea e se divirta com essa seleção, daquelas que nenhum namorado toparia a não ser sob fortes ameaças.

Para rir, chorar, aprender e mazelar. Vamos a cinelândia em casa?

Thelma e Louise, de 1991, é um clássico. Geena Davis (Thelma) e Susan Saradon (Louise) são duas amigas cansadas da vida paradona que levam, por isso resolvem deixar tudo para trás num fim de semana. Mas no caminho se envolvem em encrencas e acabam sendo perseguidas pela polícia.É quando Brad Pitt começa a carreira, só por isso vale mais ainda. Pode inspirar o próximo fim de semana, né? A estrada as espera. haha

Vicky, Cristina, Barcelona, de 2008, conta as férias das duas amigas, Vicky (Rebecca Hall) e Scarlett Johansson (Cristina), em Barcelona. O filme é uma delícia para ver Barça, as questões amorosas de ambas e Javier Bardem sexy com aquela voz linda. hehe Cuidado para não se apaixonar por ele, já basta as moças do filme.

Doidas demais, de 2002, sobre o reencontro das amigas Suzette (Goldie Hawn) e Lavinia (Susan Sarandon) 20 anos depois de muita jogación e bate cabelo. As duas eram super loucas quando jovens, muita coisa mudou? Fiquei me imaginando daqui a 20 anos. Ui! É muito divertido.

Muita calma nessa hora, de 2010, é o brasileirinho da lista. Eu ri muitooo com esse filme e fiquei doida para ver desde o trailer. Tita (Andréia Horta), Mari (Gianni Albertoni) e Aninha (Fernanda Souza) são amigas que enfrentam momentos de decisão em suas vidas. Decididas a relaxar, elas partem para curtir um fim de semana em Búzios. Vocês imaginam quanta coisa Búzios tem para contar depois disso, né? Uma delícia, dá vontade de fazer a mala e partir com as amigas. E não tem como não se identificar com uma delas.

Sexo sem compromisso, deste ano, o mais novinho de todos. Uma boa para você imaginar a vida mais casual. Esse é bom para você pensar na falta de compromisso que uma solteira pode ter. Se você tiver disposta, claro! Mas com Ashton Kutcher quem não quer?!

Ele não está tão afim de você, de 2009, é O filme! Vai lhe ensinar muita coisa, minha amiga. Assista! E se já viu, veja de novo. Não vou contar a história, se não perde a graça. No mínimo, vai fazer você repensar nas leseiras já cometidas e evitar cometer de novo.

Eu colocaria Sex and the city também, mas esse vocês já sabem que amo, né? Nem tem graça. Claro que assistir algumas temporadas da série também seria um bom roteiro.

Aproveitem, queridas, o dia é de vocês! E nada de se estapear nas filas dos restaurantes, haha, ô coisa boa! Claro, na sexta você volta a sua balada de origem. hehe

😉

Gabi Albuquerque

Porque toda mulher merece uma jóia

junho 7, 2011 às 6:30 pm | Publicado em Uncategorized | 1 Comentário
Tags: , , , , ,

Meu primeiro presente emocionante no quesito jóia foi nos meus 15 anos, lembro claramente do brinco de prata com pérola, da Clementina Duarte. Era sucesso na época, quem podia investir no acessório, comprava no quiosque da grife, no Shopping. haha Dá para notar como é especial receber um objeto desses né? Se ainda me lembro como era o brinco, é porque fez uma diferença danada. Claro que não significa que se você der uma bijouteria, a mulher vai desvalorizar. Se ela fizer isso, não lhe merece! Tem muito mais haver com o cuidado e o carinho da escolha do que com o valor.

Mas, supondo que você possa comprar e esteja disposto a investir, vamos ao que interessa. Deixa eu explicar, né? A Cis Jóias junto com as blogueiras Camila Gusmão e Camila Moraes, convidaram algumas outras bloggeres para participar de uma campanha do dia dos namorados. Fomos até a loja, escolhemos as nossas peças preferidas, fizemos um make bem bacana com Chico e nos entregamos as lentes de Carol Maia. O resultado foi incrível, adoreiiii a noite de modela, gente! haha Os maridos e namorados das participantes receberam uma foto delas com um recadinho fofo. As solteiras receberam no próprio e-mail (uhhruu!). Preciso dizer que adoreii a ideia?

As mãos de Chico e as lentes de Carol fizeram milagre porque neste dia estava cansadona, tinha acordado às 5h, olheiras mode on. Enfim, deu tudo certo. Escolhi dois anéis – dá pra ver melhor na foto lá embaixo – e este brinco que pode ficar assim ó:

Você pode usar menor, só a bolinha, maior como eu lá em cima, ou como pingente, só a roda maior. Três em um! É da coleção Efeitos.

Aqui, as mãos das donas da loja, Camila Vecchione e Cristiana Lemos. O anel da mão de Camila – de azul claro – pode virar essa pedra azul do meio e ele fica todo clarinho. Já o de Cris, pode usar os dois ou só um. Tudo da Cis é cheio de multiuso, adorei isso!

Esses são da coleção Sevilha com uma modelo de verdade, sem comparações com a modela fajuta, né? haha

Amiga, mostra este post ao namorado porque ele pode estar inspirado para o Valentine’s Day, pode querer valorizar a mulher que tem. Quem sabe, né? Assim como quem não quer nada, você conta também da promoção: quem comprar uma peça para presentear a amada, concorre a um fim de semana na Pousada Maravilha, em Noronha. Veja quanto estímulo!

E gata garota solteira, para que se desesperar? Amiga, mundo moderno, mulher independente, corre lá e compra pra você mesma. No meu cartão da campanha, aderi ao: solteiras também ganham jóias.

Cis

Avenida Conselheiro Aguiar, nº 1552, Boa Viagem (1º andar da galeria, Conjunto 4), Recife

tel: 81 – 3037 2299

😉

Gabi Albuquerque

Conversa de banheiro: infinito enquanto dura

junho 6, 2011 às 7:44 pm | Publicado em Uncategorized | 11 Comentários
Tags: , , , ,

Namorado, marido, caso, amante, ficante, namorido, benzinho, amor, dengo, querido, querida e por ai vai. Um belo dia ou não tão belo assim, esse par chegou na sua vida e vocês se encantaram. Pode ter sido na fila da padaria, no ponto de ônibus, na casa de uma amiga em comum, na escola, na faculdade, na balada, no barzinho. Pode ter sido um dia difícil, você pode ter achado ele/ela uma pessoa muito da chata, vocês podem ter discutido uma noite inteira sobre a política da direita e esquerda, quando de repente descobrem amar o mesmo livro ou mesmo disco e tudo se encaixa. Você pode ter derramado o café em cima da perna do par sem querer, mas tudo bem, ambos riram da situação e você acha lindo alguém que ri dos acidentes. Assim nascem os romances com histórias lindas tipo filme.

Ou pode ter sido uma história simples, sem esse clima hollywoodiano de romance. Vocês simplesmente trabalhavam juntos, eram vizinhos, sentavam lado a lado na sala de aula até que um dia alguém chama o outro para sair e nasce o amor. Mesmo assim tem a coisa do destino por trás, né? Afinal, se nenhum olhasse pro lado, não se descobririam. Seriam apenas colegas. Mas não, algo despertou o sentimento. Tem momento mais bonito do que quando trocam os olhares? Lembrem-se, estamos falando de amor mesmo, pode ser o homem/mulher da sua vida ou não, mas vai lhe marcar tal como. Não é aquela simples balançada de coração.

Depois da cena toda da troca de olhares, vocês marcam um encontro. Daí, uma música vai tocar em algum momento, normalmente a letra vai dizer tudo que você quer dizer. Essa vai ser a primeira música do casal. Em algumas semanas, um restaurante será o xodó, uma comida vai marcar, aquele look elogiado será repetido várias vezes, apelidos vão surgir, famílias serão apresentadas, vocês ganharão parentes do coração, amigos por tabela. Nessa época, vocês vão achar graça em qualquer piada, alguns amigos dirão que você está muito “poliana” – leia-se otimista em excesso -, você estará se sentindo a pessoa mais feliz do planeta.

A cara que todo mundo fica: dois bobões

Os domingos deixam de ser solitários, as sextas deixam de ser balada, a semana passa a ser uma incrível sucessão de ligações. Mensagens de texto cheias de poema e declarações. Ahhhh, o amor! Descobertas sobre o outro, planos, sonhos, metas. Quando menos se espera, seus amigos são os dele/dela, sua mãe chama para o almoço, a sogra liga para o seu celular, sua roupa fica na casa do par, você precisa comprar uma nova escova de dentes, já não é preciso sentar corretamente no sofá alheio, a porta do guarda roupa não é mistério, o jeito de colocar o som do carro é balela, o que o outro vai pedir no jantar soa tão natural quanto seu pedido. Chegou a rotina, chegou a parte confortável, sem medo das entregas.

Meu caro, a partir daí, cuidado. Cuidar do seu amor é essencial e cuidar para não esquecer esse cuidado é ainda mais. Não deixa de comprar calcinha nova, não deixa de trazer a flor preferida dela, não deixa de inventar uma surpresa, não deixa de viajar, não deixa de mandar a mensagem do poema, não deixem de escolher músicas novas para vocês. Não deixa de aprender um novo prato para cozinhar, não deixa de pensar no seu amor quando ver algo legal numa vitrine do shopping, não deixe de beijar – isso é caso de vida, BEIJE-, nem deixem a cama esfriar – em alguns casos nem ferro de passar junto com aquecedor resolvem, entendem?-. Os planos mudam, os sonhos mudam, os pratos preferidos mudam, o restaurante xodó pode fechar as portas, a sogra fica chata, os amigos ficam repetitivos. Por isso, conversem, mantenham a atenção na vida do outro, precisamos ficar atentos as mudanças. Tem coisa mais chata que aqueles casais mudos na mesa do restaurante? Not!

Ah, cada um sabe seus segredo de cuidar, essas são apenas dicas gerais. Seu amor pode ser do tipo que nem liga para lingerie, ele gosta mesmo é de quando você cede e pega um filme de ação para assistir com ele. Ela pode detestar “mimimis” nas mensagens, pode achar pegajoso, ela pode só querer chegar em casa e ter uma panela de brigadeiro feita porque você sabia do dia estressante dela. Conheça sua relação e seu parceiro, e está tudo certo.

Vamo beijar, minha gente!

Vai ter o dia da briga, o dia da TPM, o dia do estresse, do mal humor, da falta de paciência, do “amor, não quero te ver hoje”, também terá a desculpa do “estou com dor de cabeça”, “hoje o dia foi cheio”. Não vamos ser bobos em achar que seu amor é tão especial que não terá essa chatice comum a todos. Provavelmente, um dia, anos e anos depois, filhos crescidos, nem o Kama Sutra vai fazer mais grande coisa na vida de vocês. Acredite, um dia você nem vai querer mais praticar a atividade predileta dos casais iniciantes. Mas, aí você saberá exatamente como é o café do ser amado, quanto tempo levará o banho, quantas horas levará para escolher a roupa… Sem deixar a peteca cair, se forem espertos e idosos animados, vão investir no pilates, no tango, na atividade que lhe dá movimento. Nesses casos, o casal tem muitas chances de sobreviver a qualquer rotina. Admiro essas duplas enérgicas, espero ser assim também. Aí sim, podemos chamar de amor especial, sobrevivente, pulsante.

Envelhecer rindo da vida

Mas, mesmo com essa coisa toda sobre você já saber tudo do outro, tudo parecer perfeito e feliz, a vida também faz suas graças. Meus queridos, vocês podem até conversar um sobre o outro, mas você nunca saberá o que o ele/ela está pensando, nem sonhando, nem desejando. Não temos o poder de controlar a mente e o coração de ninguém. E você nunca saberá se esse amor vai acabar na próxima segunda-feira ou em dez anos. Você nunca saberá se de um dia pro outro ele vai preferir a moça da mesa ao lado do café, se ela vai querer sair viajando por aí sozinha e achar você mais nada na vida dela. O amor não tem garantias. Isso mantém a graça, o frio na barriga, portanto, não importa quão felizes estejam, nunca percam o medo de perder.

Então, aproveita aí o dia 12 de junho, corre para fazer aquela surpresa que você não faz há anos. E se começou agora, para descobrir como surpreender. Afinal, “não é imortal, posto que é chama, mas é infinito enquanto dura”. Obrigada, Vinicius de Morais, pelos sonetos lindos.

😉

Gabi Albuquerque

Próxima Página »

Crie um website ou blog gratuito no WordPress.com.
Entries e comentários feeds.